• Home
  • Blog
  • Como funciona o seguro para frotas empresariais?

Como funciona o seguro para frotas empresariais?

Para quem atua no ramo empresarial, uma das coisas mais importantes a se fazer é o planejamento patrimonial. Isso se aplica há várias áreas dos negócios, inclusive no setor de transportes. Para isso, alguns empreendimentos — visando driblar qualquer tipo de imprevisto — estão optando pelo seguro para frotas, que é essencial para as empresas que possuem vários veículos.

O seguro para frotas é aquele que garante a segurança de veículos e o seu nome já deixa claro o seu direcionamento. Ele cobre de modo igual todos os veículos de uma frota.

Dessa forma, preparamos este post para que você saiba como funciona o seguro para frotas empresariais. Continue lendo!

O que é seguro para frotas?

O seguro para frotas é uma maneira de amenizar as preocupações das empresas em relação à integridade de seus veículos. Ele também garante o suporte em caso de batidas, sinistros ou furtos.

Algo muito importante que o empresário deve levar em conta na hora de fazer um seguro é que a seguradora é quem decide qual a quantidade mínima de veículos para fazer o seguro.

Enquanto umas consideram que uma frota é composta por 4 ou mais veículos, outras exigem que o número seja maior. Assim, o empreendedor deve ficar atento a esses requisitos no momento em que for procurar uma seguradora para sua frota.

Além disso, o seguro para frotas tem grandes diferenças em relação ao seguro individual. Aquele não define um perfil único para o motorista; o modo como o prêmio é calculado também é diferente do seguro individual, pois, normalmente, observa-se o desempenho total da frota, em vez de avaliar o desempenho individual de cada veículo.

A precificação pode variar bastante entre as seguradoras, que também observam o ramo de atuação da empresa. Questões como a forma de utilização dos veículos, a área em que será feita a circulação e a composição da frota também são consideradas. Em contrapartida, os custos relacionados à emissão da apólice para pagamento são cobrados uma única vez.

Como funciona o seguro para frotas?

Do mesmo modo que o seguro individual, o de frota é facultativo e garante:

  • indenização por algum dano acidental que tenha acontecido com o veículo, ou por roubo ou furto;
  • indenização aos passageiros acidentados do veículo;
  • ressarcimento por danos pessoais ou materiais causados pelo veículo a terceiros;
  • assistência ao veículo e seus ocupantes, se houver acidente ou pane.

A contratação do seguro é realizada ao fazer uma proposta. Esta, inclusive, gera uma apólice, que é o contrato entre a seguradora e o segurado.

O seguro para frotas costuma depender da análise de vários aspectos, como: histórico de sinistros, quantidade de veículos, comportamento e características do grupo segurado, forma de cobrança, bônus, região de circulação, entre outros.

Quantas modalidades de seguro para frotas existem?

Existem duas modalidades: valor determinado e valor de mercado referenciado.

Na modalidade de valor de mercado referenciado, quando a gravidade do acidente resultar em indenização integral, o valor será consultado na tabela de avaliação de veículos — tabela fipe — a qual deve estar definida na apólice.

Por sua vez, o procedimento para os reparos no tipo de valor determinado, será o mesmo feito a danos aos veículos. Ou seja, poderá ser definida perda parcial — com incidência de franquia — ou indenização integral.

O seguro para frotas é uma excelente opção para empresas que queiram ter tranquilidade com seus veículos. Os benefícios oferecidos são essenciais para evitar qualquer imprevisto com sua frota.

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *